Cachorro andando na grama verde em um dia de sol

Calor excessivo: principais cuidados com os pets no verão

Com a chegada do verão, muita gente entra de férias ou simplesmente vai mais à praia e a clubes. Sem sombra de dúvidas, é um descanso mais do que merecido, não é mesmo? Porém, para quem tem pets, esta é uma época de algumas preocupações. Isso porque, com o calor excessivo, existe uma incidência maior de pulgas e carrapatos.

Além disso, os pets, que são mais peludos que nós humanos, sofrem muito com as temperaturas mais altas. Aliás, esse aquecimento pode provocar desidratação. Mais um motivo para redobrar os cuidados: o clima mais tórrido favorece o aumento da pressão, o que pode interferir no sistema cardíaco do pet.

No entanto, para curtir a estação mais quente e animada do ano numa boa, preparamos algumas dicas para enfrentar o calor excessivo. Quer ver só? Então acompanhe nosso post e garanta sombra e água fresca para seu amiguinho!

Providencie água à vontade

Em dias de calor excessivo, é preciso ficar muito atento à quantidade de água que o pet bebe. Para estimular seu amiguinho a se manter hidratado, troque a tigela três vezes por dia. Assim, a água fica mais fresquinha, e ele tem mais vontade de tomar.

Outra dica: coloque cubos de gelo no pote de água! Esse mimo costuma ser um sucesso entre cães, que ficam dando lambidinhas nas pedras. Outra providência importante é deixar a ração do pet, bem como a sua água, em um local com sombra. Assim, a água não esquenta nem a comida estraga.

Tenha cuidado com a exposição ao sol no calor excessivo

Passear é algo que os cachorros amam e que traz muitos benefícios para eles. Essas voltinhas ajudam no crescimento, na socialização e até mesmo no adestramento do cão.

Entretanto, o calor excessivo deixa o asfalto pegando fogo, o que pode queimar as patinhas do seu filho peludo. Por essa razão, prefira os passeios antes das 10 e após as 16 horas. Caso tenha que sair nesse horário, coloque sua mão na calçada e sinta a temperatura. Assim, proceda da mesma forma que fazemos com o leite da mamadeira dos bebês.

Para fugir do calor excessivo, vá a lugares com uma área verde maior, assim o bichinho tem uma sombra para dar aquela descansada antes de voltar.

Preste atenção nas doenças

O calor excessivo forma um ambiente muito propício à multiplicação de carrapatos e pulgas. Além disso, com as altas nos termômetros, os pets saem mais nas ruas e entram mais em contato uns com os outros. Por isso, questione o veterinário sobre as medidas preventivas e paliativas para livrar seu bichinho dessas verdadeiras pragas.

Com tantos perigos de contaminação, nada melhor do que deixar a carteirinha de vacinação em dia. Afinal, o calor excessivo traz outras ameaças: as doenças de praia, como a dirofilariose, e a leptospirose, comum em tempos de chuvas fortes.

No primeiro exemplo, a enfermidade também é chamada de verme do coração. Além disso, a prevenção é importante porque a dirofilariose não tem sintomas em seu início.

Essa doença é propagada por meio do mosquito, que insere o parasita no animal doméstico durante a picada. No litoral e em áreas de mata, por causa da presença maior de insetos, o risco para o pet aumenta. No entanto, a boa notícia é que existem vacinas para cães com efeito provisório, que deixam os cachorros imunes ao verme do coração por um período.

Molhe para refrescar o calor excessivo

Um jeito muito legal de espantar o calor excessivo é molhar o pet um pouco com água fria ou geladinha. Para isso, você pode pegar uma bacia e ir gotejando com seus dedos nos pelos pouco a pouco. Geralmente, os pets amam esse momento de interação com o dono, além de ser muito refrescante.

No entanto, quando estiver voltando de um passeio, espere um pouco se for molhar com água gelada. Desse modo, você evita o choque térmico.

Como você pôde perceber, o calor excessivo exige alguns cuidados extras com nossos amigos de quatro patas. Porém, essa dedicação não é nada perto do amor e do carinho que eles doam para gente, não é mesmo?

Assim, com pequenas atitudes no dia a dia, você vai tornar o verão do pet incrível. Quer saber mais sobre como criar um bicho de estimação? Então leia também nosso post sobre os cuidados básicos com os animais domésticos!

Por favor, siga-nos e curta-nos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *