família brincando com cachorro

Cachorro em casa: 3 ideias de brincadeiras para fazer com o seu pet

Cães necessitam de atividades físicas para se sentirem felizes. Contudo, com a recente restrição de circulação de pessoas, garantir os exercícios com o cachorro em casa vai exigir mais criatividade.

Desse modo, para você que ama seu bichinho de estimação, saiba que é possível assegurar o desenvolvimento saudável do pet mesmo sem sair do lar. Os animais não pegam o novo coronavírus, mas levá-los para passear na rua hoje, infelizmente, pode ser um risco.

Afinal, a recomendação das autoridades sanitárias, pelo menos as estaduais, é ficar em casa o máximo que der, não é mesmo? Diante desse contexto, separamos algumas dicas para acabar de vez com o tédio. Assim, você vai poder interagir com seu filho de quatro patas em tempos de quarentena.

Assim, seu amigo peludo gasta energia, o que vai diminuir as chances de ele aprontar pela falta do que fazer. Além disso, brincar com o cãozinho é uma delícia. Desse jeito, trata-se de uma forma de passar o tempo e de manter a mente positiva. Isso vai ser bom até mesmo para a sua saúde, e não apenas para a do animal. Quer saber mais? Então confira nossas dicas!

1. Jogar bolinha

Jogar bolinha para o cachorro em casa é uma brincadeira que atrai a atenção de quase todos os cãezinhos. Isso porque eles ficam fascinados com a ideia de correr para morder algo. Mais um benefício dessa atividade é que não exige muito espaço, dependendo do porte do seu bicho de estimação, é claro.

Assim, dá para usar qualquer corredor. Porém, se o chão for daqueles que escorrega, compre um tapete antiaderente. Dessa maneira, você evita que o animal se machuque. Esse jogo, é uma grande oportunidade para fortalecer a relação humana e animal. Afinal de contas, os cachorros adoram trazer a bolinha de volta para os donos. Aproveite para parabenizá-lo e cobri-lo de carinho toda vez que ele voltar.

Entretanto, tome cuidado na hora de tirar o brinquedo da boquinha do seu amiguinho. Se aplicar muita força, poderá causar traumas nos dentes. Mais um ponto positivo é que essa atividade ajuda o cãozinho a ter noção de comandos, o que é uma maneira divertida de introduzir o pet no adestramento.

2. Brincar de morder

Quase uma unanimidade entre os filhotes de cães, os brinquedos mastigáveis também fazem sucesso em outras idades. No caso dos bebês peludos, esses brinquedos são ótimos para evitar que eles saiam estragando móveis e objetos por toda a parte.

Afinal, quem tem pet sabe como os filhotes precisam morder as coisas para coçar a gengiva quando os dentinhos começam a nascer.

Assim, o cachorro em casa fica menos estressado. Mais uma dica: aproveite o tempo ocioso para tirar fotos maravilhosas dele e arrasar no Instagram. Outro benefício é que, se você estiver sem tempo, esses acessórios são ideais para o animal brincar sozinho, sem que seja preciso esforço de sua parte.

3. Achar o petisco

Mais um modo divertido de entreter o cachorro em casa são os brinquedos que liberam guloseimas aos poucos. Esses produtos soltam petiscos conforme o pet vai aprendendo a manuseá-los. Eles são excelentes para evitar a obesidade por dois motivos: controlam a quantidade e exigem esforço físico para o pet conseguir a recompensa.

Assim, até mesmo quem mora em apartamento consegue ajudar seu bichinho a se mexer. Mais uma boa notícia é que há brinquedos desse tipo tanto para cães como para gatos.

Como você pôde notar, não faltam ideias para distrair o cachorro em casa. Além disso, essas brincadeiras são excelentes para manter o astral positivo em tempos difíceis. Isso sem mencionar o fato de que os cães ficam muito mais felizes e saudáveis com esses entretenimentos.

Se você precisar de qualquer item para o seu pet, fale com a gente pelo WhatsApp e retire no nosso estacionamento (sem precisar descer do carro), garantindo assim a segurança de todos! Estamos disponíveis no número: (11) 97374-7720!

Por favor, siga-nos e curta-nos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *