Porquinho da índia ou hamster

Porquinho-da-índia ou hamster? Veja qual é o pet ideal!

Se você mora em casa pequena ou apartamento e ama pets, provavelmente já pensou em ter um bichinho pequeno, não é mesmo? Afinal, um animalzinho como o peixe betta, um coelhinho ou então uma bela calopsita não ocupam muito espaço e são mais fáceis de cuidar. Porém, pode ser muito difícil decidir qual deles levar para casa! Por exemplo: porquinho-da-índia ou hamster? Fazer essa escolha não é nada simples mesmo!

Isso porque todos são tão incrivelmente fofinhos! Contudo, mantenha a calma que nós vamos ajudar você a encontrar o melhor amiguinho para seu perfil.

Entretanto, nossa dica é pensar devagar. Assim, sua cabeça não entra em um curto-circuito. Por esse motivo, hoje vamos focar em responder à pergunta: porquinho-da-índia ou hamster? Venha com a gente e tome a decisão certa!

Quais as diferenças entre esses dois animais fofíssimos?

Se você está na dúvida entre porquinho-da-índia ou hamster, primeiro é interessante conhecer as diferenças entre eles. Assim, saiba que os ratinhos morrem mais cedo, já que vivem em média 3 anos. Por sua vez, o porquinho-da-índia pode chegar até os 8 anos.

Dessa forma, pense bem se for optar pela segunda alternativa. Afinal de contas, você terá quase uma década de cuidados e dedicação a esse peludo.

Mais um contraste entre esses pets é o porte. Embora ambos sejam pequenos, os porquinhos podem ficar maiores. Em média, os ratos pesam 200 gramas, mas o porquinho-da-índia pode ultrapassar 1 quilo. Assim, analise bem a sua área disponível.

Como fazer a escolha entre o porquinho-da-índia ou hamster?

Quando paramos para pensar se levamos o porquinho-da-índia ou hamster, a preferência pessoal deve ser levada em conta. Isso porque os cuidados com ambos são bem parecidos.

Afinal, a dupla come sementes, precisa de brinquedos para desgastar os dentinhos e está sob alto risco de obesidade. Além disso, esses são animais perfeitos para áreas pequenas. Para tentar clarear as ideias, observe mais dados sobre cada um deles:

Porquinho-da-índia

O porquinho-da-índia precisa de uma dieta bem rigorosa, para que não contraia certas doenças. Ou seja, mesmo sendo pequenininho, ele necessita de alguns cuidados importantes em relação à alimentação.

Em outras palavras, se você quer mesmo esse animalzinho, aprenda direito como cuidar desse simpático roedor! Vamos lá?

Primeiramente, é bom saber que a base da alimentação é o feno. Assim, você assegura o funcionamento adequado intestinal. Além disso, o feno é importante para a saúde dos dentes.

Mais um ponto importante é que o porquinho-da-índica precisa de suplemento de vitamina C. Dessa forma, consegue-se evitar enfermidades sérias como o escorbuto, que causa hemorragia nas gengivas.

Além disso, eles devem comer outros alimentos de vez em quando, como os vegetais escuros. Outro dado indispensável: nunca dê frutas cítricas nem alimentos doces.

O porquinho-da-índia não fica bem em lugares com muito calor. Por esse motivo, assegure um ambiente arejado e com sombra disponível.

Já em relação à gaiola, ela deve ser forrada com serragem, areia sanitária ou granulados de celulose. Além disso, providencie brinquedos que gastem energia. Como já dissemos, esses pets podem ganhar peso extremamente rápido.

Hamster

É fundamental muita atenção em saber corretamente o que hamster pode comer e dar o alimento na quantidade certa. Essa cautela é importante porque o pet tem um inusitado hábito: esconder alimento nas bochechas!

Desse modo, ele pode estocar comida em exagero, o que provoca excesso de peso ou até mesmo infecções. Sendo assim, preste muita atenção na quantidade de alimento. O hamster também gosta de feno, grãos e de alguns vegetais.

Além da gaiola e da forração, que pode ser a mesma do porquinho, garanta toquinhas para os hamsters se esconderem. Eles adoram um lugar quentinho e escuro para dormir e descansar.

Mais uma questão crítica são os brinquedos, como a roda para fazer exercícios físicos. Afinal, um descuido e esse animalzinho engorda.

Quais são os cuidados com a higienização?

Independentemente de você escolher o porquinho-da-índia ou hamster, saiba que ambos também requerem cuidados com higienização.

Nesse sentido, dê banho conforme a periodicidade indicada pelo veterinário. Além disso, não exagere na quantidade de lavagens para não provocar alergia de pele.

No entanto, o maior cuidado é para que o banho não seja muito estressante. Desse modo, coloque-os em um recipiente que eles consigam ficar confortáveis com pouca quantidade de água.

O melhor é permitir que eles se limpem sozinhos, para que se estressem menos. No entanto, fique perto observando para eles não se afogarem.

Se os pets eventualmente se sujarem logo depois da higienização com água, uma alternativa é o banho a seco. Nesse caso, você utiliza um produto sem enxague. No frio, essa também é uma excelente opção.

Portanto, pouco importa se vai ser o porquinho-da-índia ou hamster. O que interessa mesmo é o seu amor por esse novo filhinho de patas.

No que depender de nós, estamos à disposição para ajudar você a achar o mais novo membro da família.

Quer um help para adotar um amiguinho peludo incrível? Então entre em contato com a Chácara Pet!

Por favor, siga-nos e curta-nos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *