como limpar aquário

Como limpar o aquário: saiba a maneira correta!

Saber como limpar o aquário é fundamental para quem pretende criar seus peixinhos bem. No entanto, muita gente tem dúvidas sobre como realizar o procedimento do jeito certo. Além disso, infelizmente, alguns erros são bastante comuns.

Porém, é a limpeza da estrutura que vai garantir uma água boa o suficiente para a respiração e o metabolismo desses amiguinhos. Quer aprender como limpar o aquário de uma vez por todas? Então venha com a gente!

Qual a importância da higienização do aquário?

Mesmo que você não enxergue, os componentes do aquário estão sempre interagindo entre si. Desse modo, acontecem alterações químicas, físicas e biológicas o tempo todo.

Ou seja, muitos fenômenos ocorrem simultaneamente: o PH oscila para mais ou menos, assim como o volume de oxigênio e de elementos nocivos. Por essa razão, o peixe de estimação precisa da limpeza do aquário para ficar saudável.

Por exemplo: quando não se limpa o sistema, os alimentos que sobram apodrecem e geram substâncias tóxicas para os bichinhos. O mesmo se dá com o excesso de fezes, que também piora as condições do aquário com o passar dos dias.

Em outras palavras, a limpeza do aquário assegura as condições ideais da água, prolongando o tempo de vida dos pets aquáticos.

De quanto em quanto tempo se deve limpar o aquário?

Se você quer realmente ajudar seu bichinho a ser mais feliz e a ter mais saúde, faça os testes de qualidade da água uma vez por semana. Desse modo, sempre que for preciso você providenciará a limpeza sem grandes prejuízos para os peixes.

Não existe um período único para limpar a estrutura. Isso depende da quantidade de indivíduos, do tamanho do aquário, das espécies criadas etc. Porém, em média, o intervalo de higienização de um aquário gira em torno de 15 dias. Contudo, mais importante do que seguir uma norma geral é a disciplina para medir os índices da água a cada 7 dias.

Como limpar o aquário do jeito certo?

Os peixes acabam deixando qualquer recinto mais alegre e com mais beleza. Afinal de contas, um aquário muda completamente o layout de um cômodo, levando mais natureza para os ambientes.

Por exemplo: você pode fazer um minijardim ao lado do aquário e deixar uma simples estante de uma sala mais agradável e elegante. Porém, não se pode esquecer que peixes são seres vivos, isto é, exigem cuidados e atenção.

Diante disso, nada melhor do que aprender como limpar o aquário sem cometer nenhum erro. Acompanhe a seguir o passo a passo que criamos especialmente para você!

1. Retire 30% da água e o grosso da sujeira

Primeiramente, remova o grosso da sujeira com uma peneira. Dessa forma, retire da água fezes, restos de ração e algas. Depois, será preciso extrair cerca de 30% da água velha.

Tal procedimento pode ser feito com a ajuda de um sifão no caso de aquários maiores. Assim, esse equipamento vai sugar a água de dentro para fora.

Porém, para sistemas mais simples, como um aquário de peixe betta, basta extrair 30% da água apenas com o despejo desse volume na pia.

É fundamental jamais trocar toda a água de uma vez. Uma parte do processo biológico, químico e físico deve ser mantida para o bom equilíbrio da vida aquática. Por exemplo: algumas bactérias são benéficas e essenciais para a saúde dos seus peixinhos.

2. Lave os enfeites

Outro segredinho importante sobre como limpar o aquário: não use sabão nem detergente! Esses produtos prejudicam o metabolismo dos nossos amiguinhos, e você não vai querer nenhum deles doente, certo?

Por isso, desencaixe os enfeites e escove-os somente com água. Isso é importante para eliminar resíduos e algas do sistema.

3. Realize a limpeza dos vidros

Outro ponto importante é tomar cuidado com a higienização dos vidros internos. Nesse caso, às vezes as algas grudam na superfície e causam até manchinhas nas paredes.

Para acabar com o problema, prefira produtos específicos para a função, que você acha nas lojas especializadas em aquarismo ou em animais domésticos.

4. Trate a água nova

Mais um ponto importante na lição de como limpar o aquário: é preciso tratar a água nova antes de despejá-la no seu aquário. Afinal, é indispensável um tratamento químico para remover o cloro, que é tóxico para os peixes.

Dessa forma, utilize condicionadores de água de aquário para essa adaptação, item que você encontra nos melhores petshops. Assim, você consegue evitar doenças, mortes e desajustes no sistema.

Portanto, saber como limpar o aquário pode ser a diferença entre a vida e a morte dos seus peixes de estimação. Afinal de contas, a higienização interfere na qualidade da água, algo essencial para o bom funcionamento do organismo dos peixinhos.

Gostou do nosso artigo? Quer mais dicas sobre aquarismo? Então leia também nosso post sobre peixes para aquário pequeno!

Por favor, siga-nos e curta-nos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *